Histórico de Aliança Municipal Espirita de Araguari

            Em 1958, após 36 anos da implantação do movimento espírita em Araguari/MG, um grupo de abnegados trabalhadores reuniu-se, na sede do Centro Espírita Caminho da Luz, para as tratativas iniciais da fundação da Aliança Municipal Espírita de Araguari, com a anuência da União Espírita Mineira, em Belo Horizonte/MG.

            Dois anos após, foi oficializada e realizada nova reunião, em 27 de novembro de 1960, novamente, no Centro Espírita Caminho da Luz.  Participaram dessa reunião vinte e dois companheiros irmanados no mesmo objetivo: a criação da entidade, que, posteriormente, viria a ser o órgão de Unificação das casas espíritas de Araguari: Jovino Bitencourt, Nefetali Guimarães Naves, Adolfo C. Carísio, Julio Gomes Pereira, Sebastião Mozart Ferreira, João de Jesus Moutinho, Vitor Rodrigues, Geraldo Bispo Santana, Pedro Pinto Guimarães, José Lopes Cansado, Antõnio Ferreira da Silva, Jeova Rodrigues Cunha, Padre Germano, João Falcomer, Julia Figueiró Cansado, Ondina Moutinho Vieira, Urbano Teodoro Vieira, Mario Augusto Peixoto, Hilda Rodrigues Borges Araújo, Heitor Dias de Carvalho, Edir Carvalho Jussi, Diva Bitencourt.

            Finalmente, no dia 12 de março de 1961, na sede da União Espírita Zabeu,foi criada a Aliança Municipal Espírita de Araguari - AME -, oportunidade em que foi eleita e empossada a primeira diretoria da entidade, para o triênio 1961/1962/1963, tendo como primeiro presidente o professor Newton Dias de Abreu.

            A primeira diretoria da AME foi assim constituída:

Presidente: Newton Dias de Abreu

Vice-Presidente: Orestes

1ª Secretária: Hilda Rodrigues Borges e Araújo

2ª Secretária: Honor Machado

1º Tesoureiro: Antônio Ferreira da Silva

2º Tesoureiro: Nelson Monteiro Vidal

Bibliotecário: Ismael Moutinho

© 2016 por MINAS EDITORA Web - Contato: 34.9.8868.7028 - www.minaseditora.com